|||| Iniciativa "942 - Só queremos o que é nosso" arranca dia 11, no Porto

Iniciativa
 

Iniciativa "942 - Só queremos o que é nosso" arranca dia 11, no Porto

10-1-2019

A Federação Nacional da Educação (FNE) lança no próximo dia 11 de janeiro, sexta-feira, a iniciativa "942 - SÓ QUEREMOS O QUE É NOSSO". Esta campanha, que vai percorrer as dezoito capitais de distrito do Continente, e que arranca no Porto, na Praça da Liberdade, consiste no desfraldar de uma enorme bandeira em que a mensagem '942 - Só queremos o que é nosso' receberá o apoio de centenas de docentes que a vão assinar.

Esta bandeira seguirá depois para Bragança e prosseguirá uma viagem que a vai conduzir às diferentes capitais de distrito e que vai terminar em Lisboa, dia 8 de fevereiro, em frente à Residência Oficial do Primeiro-Ministro, em São Bento. Com esta ação, a FNE visa mostrar ao Governo e ao Ministério da Educação que não desiste de lutar pelo direito da recuperação integral do tempo de serviço congelado aos professores portugueses.

A FNE sublinha com esta atividade a total disponibilidade para o retomar das negociações com o Governo, mas também a intransigência na luta pelo objetivo de a contabilização do tempo de serviço, tal como acontece em relação às carreiras gerais da Administração Pública, ser de 9 anos, 4 meses e 2 dias e em cumprimento do que estabelece a Lei do Orçamento de Estado para 2018.

Para a FNE seria inadmissível que o Governo quisesse repetir em 2019 a estratégia que adotou em 2018, o que, a acontecer, constituiria uma atitude de desrespeito inaceitável, quer em relação à Assembleia da República, quer em relação aos Educadores e Professores portugueses.

Pela nossa parte, a campanha "942 - Só queremos o que é nosso" é a nossa bandeira para denunciar todas as situações que não constituam o cumprimento, pelo Governo, da responsabilidade que agora lhe foi de novo entregue e de na sequência, adotar as medidas que forem adequadas.

Nós não desistimos do que é de direito e de justiça. Não abdicaremos de um único dia dos 9 anos, 4 meses e 2 dias de trabalho efetivo que tem de ser recuperado.

Convidamos todos os órgãos de comunicação a acompanhar esta iniciativa.

Datas e locais de dinamização:

  • 11 janeiro: Porto - Praça da Liberdade – entre as 9h00m e as 11h00m
  • 14 janeiro: Porto - Sede do SPZN (Rua de Costa Cabral, 1035)
  • 15 janeiro - Bragança
  • 16 janeiro - Vila Real
  • 17 janeiro - Braga
  • 18 janeiro - Viana do Castelo
  • 21 janeiro - Aveiro
    • 08h00: EB23 João Afonso
    • 11h00: Cais da Fonte Nova
  • 22 janeiro - Leiria
    • 08h00: Esc. Sec. Francisco Rodrigues Lobo
    • 11h00: Praça Luís de Camões (Praça do Papa) 
  • 23 janeiro - Coimbra
    • 08h30: EB23 Alice Gouveia
    • 10h00: Esc. Sec. Infanta D. Maria
    • 14h30: Sede do SPZC
    • 15h30: Choupalinho
  • 24 janeiro - Viseu
    • 08h15: AE Infante D. Henrique
    • 10h15: Esc Sec. Alves Martins
    • 11h10: Sede da Direção Distrital de Viseu do SPZC
    • 14h00 Rossio, frente à Câmara Municipal
  • 25 janeiro - Guarda
  • 28 janeiro - Castelo Branco
  • 29 janeiro - Portalegre
  • 30 janeiro - Santarém | 
  • 31 janeiro - Setúbal
  • 1 fevereiro - Évora
  • 4 fevereiro - Faro
  • 5 fevereiro - Beja
  • 8 fevereiro - Lisboa

 

Porto, 10 de janeiro de 2019

A Comissão Executiva

 

 

Voltar

|||| Destaques

Jul 2019

Tomada de posse

Ler Mais
Mais benefícios na saúde
Ler Mais
Ler Mais
Negociação Formação Saúde Informação Social Cultural Jurídico