|||| Iniciativa "942 - Só queremos o que é nosso" arranca dia 11, no Porto

Iniciativa
 

Iniciativa "942 - Só queremos o que é nosso" arranca dia 11, no Porto

10-1-2019

A Federação Nacional da Educação (FNE) lança no próximo dia 11 de janeiro, sexta-feira, a iniciativa "942 - SÓ QUEREMOS O QUE É NOSSO". Esta campanha, que vai percorrer as dezoito capitais de distrito do Continente, e que arranca no Porto, na Praça da Liberdade, consiste no desfraldar de uma enorme bandeira em que a mensagem '942 - Só queremos o que é nosso' receberá o apoio de centenas de docentes que a vão assinar.

Esta bandeira seguirá depois para Bragança e prosseguirá uma viagem que a vai conduzir às diferentes capitais de distrito e que vai terminar em Lisboa, dia 8 de fevereiro, em frente à Residência Oficial do Primeiro-Ministro, em São Bento. Com esta ação, a FNE visa mostrar ao Governo e ao Ministério da Educação que não desiste de lutar pelo direito da recuperação integral do tempo de serviço congelado aos professores portugueses.

A FNE sublinha com esta atividade a total disponibilidade para o retomar das negociações com o Governo, mas também a intransigência na luta pelo objetivo de a contabilização do tempo de serviço, tal como acontece em relação às carreiras gerais da Administração Pública, ser de 9 anos, 4 meses e 2 dias e em cumprimento do que estabelece a Lei do Orçamento de Estado para 2018.

Para a FNE seria inadmissível que o Governo quisesse repetir em 2019 a estratégia que adotou em 2018, o que, a acontecer, constituiria uma atitude de desrespeito inaceitável, quer em relação à Assembleia da República, quer em relação aos Educadores e Professores portugueses.

Pela nossa parte, a campanha "942 - Só queremos o que é nosso" é a nossa bandeira para denunciar todas as situações que não constituam o cumprimento, pelo Governo, da responsabilidade que agora lhe foi de novo entregue e de na sequência, adotar as medidas que forem adequadas.

Nós não desistimos do que é de direito e de justiça. Não abdicaremos de um único dia dos 9 anos, 4 meses e 2 dias de trabalho efetivo que tem de ser recuperado.

Convidamos todos os órgãos de comunicação a acompanhar esta iniciativa.

Datas e locais de dinamização:

  • 11 janeiro: Porto - Praça da Liberdade – entre as 9h00m e as 11h00m
  • 14 janeiro: Porto - Sede do SPZN (Rua de Costa Cabral, 1035)
  • 15 janeiro - Bragança
  • 16 janeiro - Vila Real
  • 17 janeiro - Braga
  • 18 janeiro - Viana do Castelo
  • 21 janeiro - Aveiro
    • 08h00: EB23 João Afonso
    • 11h00: Cais da Fonte Nova
  • 22 janeiro - Leiria
    • 08h00: Esc. Sec. Francisco Rodrigues Lobo
    • 11h00: Praça Luís de Camões (Praça do Papa) 
  • 23 janeiro - Coimbra
    • 08h30: EB23 Alice Gouveia
    • 10h00: Esc. Sec. Infanta D. Maria
    • 14h30: Sede do SPZC
    • 15h30: Choupalinho
  • 24 janeiro - Viseu
    • 08h15: AE Infante D. Henrique
    • 10h15: Esc Sec. Alves Martins
    • 11h10: Sede da Direção Distrital de Viseu do SPZC
    • 14h00 Rossio, frente à Câmara Municipal
  • 25 janeiro - Guarda
  • 28 janeiro - Castelo Branco
  • 29 janeiro - Portalegre
  • 30 janeiro - Santarém | 
  • 31 janeiro - Setúbal
  • 1 fevereiro - Évora
  • 4 fevereiro - Faro
  • 5 fevereiro - Beja
  • 8 fevereiro - Lisboa

 

Porto, 10 de janeiro de 2019

A Comissão Executiva

 

 

Voltar

|||| Destaques

Jan 2019

Mais benefícios na saúde

Ler Mais
Ler Mais
FNE Online

Edição do jornal online FNE está disponível para consulta

Ler Mais
Negociação Formação Saúde Informação Social Cultural Jurídico