Questões?
Coloque-nos a sua questão

Novo ano letivo com velhos problemas

Novo ano letivo com velhos problemas

Novo ano letivo com velhos problemas

O Secretariado Nacional da FNE aprovou por unanimidade, em 15 de setembro, uma Resolução onde saúda todos os profissionais da educação neste início do ano letivo de 2021/2022 e responsabiliza o governo pela degradação da imagem social e pela crescente insatisfação de todos quantos trabalham na Educação.

A Resolução da FNE relembra que o presente Governo é aquele que, na área da Educação, mais tem desvalorizado o diálogo social e menos tem investido no reconhecimento dos trabalhadores que tutela, sendo por isso responsável por entrarmos num novo ano letivo com os velhos problemas por resolver. Não há educação de qualidade com um sistema educativo low-cost, sublinha com propriedade a FNE.

Nos velhos problemas por resolver, a Resolução da FNE salienta os Professores a trabalhar longe da sua residência sem qualquer apoio; a Persistência do recurso à precariedade em todos os níveis e setores de ensino; a Ausência de estímulos para desenvolvimento e para a atratividade das carreiras ou a Falta de consideração pelo desgaste provocado por um exercício profissional longo e intensivo;

Desta forma, a FNE apela para que se resolvam os problemas estruturais da Educação presentes na sua Resolução, e promete insistir nas ações que forem indispensáveis para que os Trabalhadores que representa acedam a dignas e atrativas condições de trabalho, de desenvolvimento de carreira e de acesso a uma aposentação digna.

 


Voltar
Negociação Formação Saúde Informação Social | Protocolos Cultural Jurídico